• Decrease
  • Increase

Cartão VIVA viagem/7 Colinas

 

O que é

 O cartão VIVA viagem é um cartão eletrónico, que funciona por aproximação aos validadores sem contato, recarregável, destinado essencialmente a clientes que utilizam o Metro com pouca frequência

Onde adquirir

 No Metro, o cartão VIVA viagem podem ser adquiridos e carregados nas máquinas de venda automática e postos de venda.

Guarde o comprovativo de carregamento e traga-o sempre junto ao cartão. Poderá necessitar dele em caso de avaria do cartão.

Custo do cartão

O cartão VIVA viagem tem um custo de aquisição de 0,50€, sendo recarregável o número de vezes que se pretender, durante 1 ano após a compra.

O que carregar


– Bilhete viagem Carris/Metro
– Bilhete diário (24h) Carris/Metro
– Bilhete diário (24h) Carris/Metro/Transtejo (Cacilhas)
– Bilhete diário (24h) Carris/Metro/CP
–  Viagem zapping em todos os operadores aderentes (Carris, Metro, Transtejo, CP, Fertagus e Metro Transportes do Sul)
– Bilhete viagem Carris/Metro
– Bilhete diário (24h) Carris/Metro
– Bilhete diário (24h) Carris/Metro/Transtejo (Cacilhas)
– Bilhete diário (24h) Carris/Metro/CP
–  Viagem zapping Carris, Metro, Transtejo e CP

No cartão VIVA viagem apenas podem ser carregados títulos do mesmo tipo. Se pretender carregar no cartão outro tipo de título, por exemplo um bilhete de outro operador, terá de esgotar previamente o carregamento anterior.

Como utilizar

 Depois de carregado, o cartão está em condições de ser utilizado. Para o efeito basta aproximá-lo do validador, aguardar que as portas se abram e passar.
O cartão VIVA viagem é um cartão individual, ou seja, não pode ser utilizado em grupo. 

Validade do cartão

 Os cartões têm uma validade de 1 ano, contado da data de aquisição, durante o qual podem ser recarregados o número de vezes que se pretender. Terminado este prazo já não podem ser recarregados, mas ainda podem ser utilizados se tiverem títulos carregados.
Se, durante este período, o cartão deixar de funcionar por avaria, ou seja sem qualquer dano visível, a sua substituição será efetuada sem qualquer custo para o cliente. Fora deste período ou se apresentar dano visível, o custo do novo cartão é suportado pelo cliente.

Assistência pós venda

 Se o cartão deixar de funcionar deverá ser adotado o seguinte procedimento:

– colocar o cartão no validador ou no leitor de uma Máquina Automática para confirmar se o mesmo tem saldo disponível. Se não tiver, deverá proceder ao carregamento do cartão.
– Se o cartão tiver saldo ou se não o conseguir ler, deverá dirigir-se ao Agente do Metro em serviço na estação, apresentando-lhe o cartão e o respetivo comprovativo de carregamento.
–  Se o Agente conseguir efetuar a leitura do cartão, procede à transferência do saldo existente no cartão que deixou de funcionar, para um cartão novo. Se não o conseguir, informará o cliente dos procedimentos a seguir.

Se o Agente não se encontrar no local, poderá contatá-lo acionando, para o efeito, os intercomunicadores que estão colocados nos Pontos de Ajuda, junto aos canais de acesso, e nas Máquinas Automáticas de Venda.

Se o cartão se encontrar avariado, isto é sem qualquer dano visível, e dentro do prazo de validade, a substituição é gratuita; se o cartão se encontrar danificado, ou fora do prazo de validade, o respetivo custo é suportado pelo cliente.

Compensação em caso de interrupção da circulação

Em caso de interrupção da circulação por um período superior a 15 minutos, o cliente tem direito ao carregamento de um novo bilhete no cartão (cartão VIVA viagem carregado com bilhetes viagem carris metro) ou à reposição do valor da viagem no cartão (cartão carregado com dinheiro – zapping). Esta compensação é efetuada no local e de imediato, desde que o pedido seja efetuado na própria estação onde o cartão VIVA viagem foi validado e num período máximo de 45 minutos para além do início da interrupção. 

Recomendações

– O cartão é recarregável. Não o deite fora;
– Tenha sempre o comprovativo de carregamento junto do cartão;
– Quando validar o cartão tenha o cuidado de verificar que o mesmo não se encontra junto a outros cartões sem contato (VIVA viagem ou Lisboa VIVA);
– Mantenha o cartão em bom estado de conservação.
 

 

Informação atualizada em 20/02/2017