O Metro retoma os trabalhos de reabilitação da estação Colégio Militar/Luz, partir do dia 28 de março.
Os trabalhos foram programados de forma a minimizar eventuais constrangimentos causados aos clientes desta estação, estando previsto o encerramento alternado de acessos de forma a permitir sempre o movimento de entradas e saídas da estação.

Porquê reabilitar o Colégio Militar/Luz?

A estação Colégio Militar/Luz foi aberta ao público há cerca de 30 anos. Sendo uma das estações mais utilizadas da rede, vem apresentando, especialmente nos últimos anos de exploração, algumas patologias estruturais que – numa lógica de manutenção preventiva – devem ser corrigidas. Para além disso, importa favorecer esta estação de equipamentos que permitam dotá-la de plena acessibilidade, adequando-a aos padrões de mobilidade que se impõem numa infraestrutura como o Metro.

Intervenções previstas:

– Melhoria da acessibilidade da estação através da instalação de três elevadores:
            – 2 elevadores que garantem o acesso entre os cais de embarque e átrio;
            – 1 elevador que faz ligação entre o átrio e a superfície.
– Tratamento de patologias estruturais;
– Melhoria das instalações técnicas;
– Melhoria da sinalética da estação;
– Limpeza e tratamento de patologias ao nível dos revestimentos.


Tempo previsto para a execução da obra:

Prevê-se a conclusão dos trabalhos no final do último trimestre de 2019.