Viajar
Como utilizar o Metro

Como utilizar o Metro

A colaboração dos nossos clientes é fundamental para o bom funcionamento do Metro.

Neste sentido, ao utilizar o Metro deve respeitar um conjunto de regras que permitem uma melhor qualidade do serviço prestado, com benefícios para todos.

Viagem no Metro

Inicia-se no momento em que o cliente transpõe os canais de acesso, na estação de entrada, e termina quando ultrapassa os canais de saída.

Viajar no Metro

Implica ter um cartão de suporte eletrónico (viva viagem ou Lisboa viva) carregado com um título de transporte válido no Metro.
O título de transporte deve ser conservado até à transposição dos canais de saída e exibido sempre que um agente de fiscalização solicite.

Títulos de transporte

No Metro existem dois tipos de títulos de transporte:
1) Viagens ocasionais carregáveis nos cartões viva viagem;
2) Viagens frequentes carregáveis nos cartões Lisboa viva.

Validação obrigatória

É obrigatório validar o seu título de transporte nos canais de entrada e de saída das estações.

Validação de títulos

A validação é efetuada mediante a aproximação do cartão aos validadores que se encontram nos canais de acesso.
O título é devidamente validado quando o validador emite “luz verde” e as portas dos canais de acesso abrem.

Validade das viagens ocasionais

Salvo nas situações de perturbação de serviço, as viagens ocasionais são válidas durante três horas contadas a partir da validação de entrada, desde que não sejam transpostos os canais de saída.

Alterações de serviço

O Metro não se responsabiliza pelos prejuízos que resultem de alterações de serviço prestado (antecipação, demora, paragem ou interrupção, diminuição do número de comboios, mudança e alteração de circulações), em caso de greve ou por motivo de força maior.

Transporte de crianças

1) As crianças até aos 3 anos de idade (inclusive) estão isentas de pagamento de título de transporte, desde que se façam acompanhar sempre por um adulto;
2) As crianças dos 4 aos 12 anos de idade têm direito a transporte gratuito no Metro, desde que sejam titulares do cartão Lisboa VIVA com perfil Criança.

Ponto de ajuda nas estações

Utilize os Pontos de Ajuda existentes junto aos canais de acesso e nas máquinas automáticas de venda de bilhetes sempre que precisar de informação ou apoio de um agente Metro.

Mobilidade reduzida

Os clientes com mobilidade reduzida devem verificar antecipadamente no diagrama de rede do Metro, se as estações de origem e destino são dotadas de plena acessibilidade.
Adicionalmente, recomenda-se a consulta prévia da operacionalidade dos equipamentos mecânicos existentes nas estações através do Centro de Atendimento.
Nas estações, os clientes com mobilidade reduzida podem solicitar apoio aos agentes ao serviço do Metro. Este apoio traduz-se em:
– Atendimento prioritário;
– Auxílio na aquisição de títulos de transporte;
– Acompanhamento do cliente até ao cais de embarque;
– Facultar informação sobre a operacionalidade dos equipamentos da estação de origem e destino;
– Nas estações dotadas de plena acessibilidade, caso necessário, preparar a instalação da rampa amovível e auxiliar o cliente no acesso ao comboio.

Canal especial (mais largo)

O canal especial destina-se, em exclusivo, a pessoas:
– de mobilidade reduzida;
– com carrinhos de bebé ou grandes volumes;
– acompanhadas por crianças menores de 4 anos.
O canal especial, em regra, está configurado para a saída, devendo ser solicitado a assistência do agente da estação, sempre que necessário.

Transporte de bicicletas

É permitido o transporte de bicicletas nos comboios do metro, no máximo de duas por carruagem, se não se verificarem grandes aglomerações de passageiros.

Transporte de animais

Pode transportar animais de companhia no Metro desde que estes se encontrem devidamente acondicionados, de maneira a não incomodarem, perturbarem ou atemorizarem os restantes clientes.
Consulte mais informação aqui.

Transporte de volumes

É permitido transportar volumes nos comboios desde que a natureza dos objetos não ponha em causa a segurança e comodidade dos restantes clientes.
É proibido o transporte de substâncias tóxicas, explosivas, radioativas, corrosivas e facilmente inflamáveis, bem como de gases sob pressão.

Permanência no cais

Por razões de segurança não é permitido permanecer entre o bordo do cais e a faixa longitudinal amarela.

Lembre-se, o Metro é de todos

No Metro acreditamos que a atitude e o comportamento diários de todos nós se relacionam diretamente com a eficiência e a eficácia do serviço prestado pela Empresa.

A campanha “Lembre-se, o Metro é de todos”  tem por objetivo partilhar um conjunto de comportamentos e atitudes que promovem o bom funcionamento dos serviços e dos equipamentos do Metro, contribuindo para uma adequada oferta aos clientes e para a sustentabilidade do sistema de transportes.

Segurança Metro-a-Metro

No Metro, há procedimentos simples que podem representar uma mais valia de segurança para os passageiros.
Esteja atento aos comportamentos de risco que poderá ter durante a utilização do Metro.

Jogue connosco e não com a sua segurança.

Telemóvel

Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo.

Objetos de valor e dinheiro

Para sua segurança, evite mostrar objetos de valor ou quantias elevadas de dinheiro.

Locais isolados

Para sua segurança, em períodos de menor movimento evite locais isolados.

Pertences

Para sua segurança, mantenha sempre os pertences junto a si e nunca os abandone.

Carteiristas

Cuidado com os carteiristas. Guarde a carteira e o telemóvel num local seguro, junto ao corpo.

Assalto

Se for vítima de assalto não reaja. Capte as características do assaltante e comunique de imediato ao Metro e PSP.

Objetos abandonados

Se encontrar um objeto abandonado, não lhe toque. Comunique de imediato com a PSP e Metro.

Situações suspeitas

Se vir algo suspeito, comunique à PSP ou a um funcionário do Metro.

Furto ou roubo

Se for vítima de furto ou roubo apresente sempre queixa na PSP. Só assim é possível melhorar a prevenção criminal.