No próximo dia 29 de dezembro (domingo), o Metro comemora 60 anos da sua abertura ao público com um programa dedicado aos seus clientes.

Programa de atividades

Visita para (re)viver Lisboa

Em 1959, no dia 29 de dezembro, o Metropolitano de Lisboa começava a operar na Cidade de Lisboa, inaugurando 11 estações – Entre Campos, Jardim Zoológico, Rotunda (Marquês de Pombal), Saldanha, Restauradores, São Sebastião, Campo Pequeno, Picoas, Avenida, Palhavã (Praça de Espanha) e Parque. Para assinalar este aniversário, vamos revisitar algumas dessas estações da atual Linha azul, numa viagem que nos conduzirá pela arte e azulejaria de alguns dos mais relevantes artistas representados no Metro.

Horário: 11h
Estações: Avenida; Marquês de Pombal; Parque; São Sebastião; Jardim Zoológico
Guia: Professor José Meco
Professor José Meco (1952) tem vindo a assumir a missão de estudar e dar a conhecer a azulejaria portuguesa. Considerado um dos mais relevantes estudiosos e divulgadores desta arte identitária de Portugal, é autor de um  vasto corpo bibliográfico, disperso por livros, catálogos de exposições, revistas científicas e atas de congressos.
Inscrição: ESGOTADAS

Concerto LIBÊ – Lisbon Buskers Ensemble

A LIBÊ, Lisbon Buskers Ensemble junta músicos que transitam entre o palco e a rua, para apresentar um repertório musical inédito composto a partir de textos escritos por poetas internacionais. Para o programa comemorativo do 60.º Aniversário do Metro, a LIBÊ traz-nos o concerto ‘Humano a Metro’.

Horário: 17h
Estação: Cais do Sodré
Entrada livre